quinta-feira, 24 de abril de 2014

CHEIA EM FARO-PA

Água do rio Nhamundá já alcança a frente do Restaurante Beira Rio, na travessa 7 de Setembro, centro da cidade. Foto registrada em 23 de abril de 2014.

Foto: z fioravante


Leia Mais ►

SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE FARO-PA ESTÃO EM ESTADO DE GREVE


Da Redação
Na terça-feira, 22, os servidores públicos do município de Faro, entraram em estado de greve e saíram nas ruas da cidade protestando contra possíveis cortes salarial na área da educação e saúde.
A manifestação nas ruas da cidade foi organizada pelo SINDFARO, sindicato que agrega os servidores da Prefeitura do município. Na caminhada, os servidores da saúde e educação, fizeram uma manifestação pacífica em frente a Prefeitura Municipal, Fórum local e Câmara legislativa, onde foram recebidos pelos vereadores do município e o presidente da câmara, vereador Francivaldo Feijó, declarou apoio ao movimento.
Segundo o presidente do SINDFARO, Enéas Torres, a reivindicação dos servidores é quanto aos rumos determinados pela atual administração quanto à política salarial dos servidores e também na condução das atividades do Executivo. Os servidores querem o pagamento dos salários em dia e que não sejam cortadas as gratificações adicionais.
O estado de greve será mantido pelos servidores do município de Faro, até que a prefeita Marinete Machado sente para negociar com o SINDFARO, se caso não haja uma negociação que atenda as reivindicações, o movimento passará a adotar a greve dos funcionários.
PREFEITURA – A prefeita de Faro, Marinete Machado, disse a reportagem do jornal Tribuna da Calha Norte, que o município de Faro precisa se ajustar a real situação financeira com a perda nos recursos federais, que eram de 1,2% e passou para 0,6% na arrecadação. “Eu ainda não tomei nenhuma medida radical para baixar esse percentual de folha, que hoje chega a mais de 74% dos recursos, e a lei de responsabilidade fiscal diz que a gente não pode passar dos 54%”, falou a prefeita, alegando que os servidores estão reivindicando uma série de vantagens que o município não tem condições de pagar.
Quanto a cortes financeiros na folha de pagamento, a prefeita Marinete disse que isso não foi realizado, com exceção da Regência de Classe, “consultamos nosso jurídico e constatamos que a Regência de Classe já é embutida no piso nacional, e o município paga o piso nacional”, acrescentou a prefeita, complementando que, “agora, realmente que o município terá que se ajustar a atual situação financeira não tem jeito, porque se não regularizar isso quem vai responder sou eu (Marinete) perante o Tribunal de Contas”.
Marinete Machado falou que não é uma questão de gestão na prefeitura de Faro, é porque perdeu muito nos repasses dos recursos federais, caiu pela metade e permanece com mais de 600 funcionários concursados. “O grande problema no município de Faro é uma folha de funcionários muito alta, onde o recurso da educação não consegue honrar o pagamento em dia com a folha, a saúde também não consegue porque o dinheiro que é disponível pra pagamento não é suficiente, até mesmo, específico na área de educação, onde é a maior insatisfação, o Fundeb não consegue cobrir todas as despesas e o recurso não é simplesmente apenas para pagar professores, ele é para manutenção de escolas, comprar material e os valores que vem mensalmente pra Faro não é suficiente”.
A Prefeita disse ainda que nos ajuste da folha precisa ser bem esclarecida, como exemplo, a pessoa que fez concurso público para o nível médio e após estar trabalhando conclui o ensino superior exige que o salário seja reajustado em 50% por conta da escolaridade de nível superior, que segunda Marinete isso é inconstitucional, pois nesse caso a pessoa tem que fazer um novo concurso público para poder ganhar com o nível superior.
Marinete finalizou dizendo que pelo que entende do estado de greve, se trata de politicagem para algumas pessoas se aproveitarem politicamente, pois a própria prefeita já sentou com o sindicato e com o funcionalismo da educação, mostrou a real situação financeira do município, inclusive apresentando os extratos bancários dos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro, comprovando que não tem como pagar a folha, mesmo assim não serviu de nada. A prefeita confirmou que os salários estão sendo pagos com atraso, que chega até 20 dias, mas não está acumulando para o mês seguinte os pagamentos, o que existe atrasado é da folha de pagamento da gestão anterior que até hoje o município não conseguiu pagar.
Fonte/Fotos: tcnnews.com.br/Zilton Fioravante




Leia Mais ►

GARIMPEIRO QUE ENCONTROU AVIÃO PRESTOU ESCLARECIMENTOS À POLICIA DE JACAREACANGA-PA

Prestou declarações na delegacia de Jacareacanga, o principal autor do  aparecimento do avião modelo Beechcraft Baron que caiu na mata perto desse  município, no oeste do Pará. O garimpeiro Fausto Pereira da Silva (foto) deu seus esclarecimento e foi liberado pelo delegado Helivelton Santos.
O garimpeiro, que deve ganhar uma recompensa por ter achado a aeronave desaparecida desde o dia 18 de março após ter decolado do Aeroporto de Itaituba, falou pouco: só disse que o avião está caído de bico, sem apresentar nenhum tipo de abertura, e com a totalidade de sua estrutura inteira.
Fausto falou da dificuldade do acesso ao local, uma área de difícil acesso, 20 km ao noroeste do município. O garimpeiro afirmou que da forma como foi encontrada a aeronave, dificilmente terá algum sobrevivente.
O acidente será investigado pelo Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa). Ao todo, cinco pessoas estavam no avião: o piloto Luiz Feltrin, as técnicas de enfermagem Rayline Sabrina Brito Campos, Luciney Aguiar de Sousa e Raimunda Lúcia da Silva Costa, e o motorista Ari Lima. Eles viajavam para trabalhar no distrito de saúde indígena da região.
As equipes de buscas estão reunidas na Base Aérea de Jacareacanga e aguardam a chegada do Cenipa, que deve desembarcar na manhã desta quinta-feira (24). Outro empecilho é o acesso ao local onde os destroços do avião foram encontrados.
Segundo o Cenipa, o local onde o avião foi encontrado deve ser preservado, por isso a remoção não foi iniciada. No entanto, nada impede que os corpos dos cinco ocupantes já sejam retirados do local da tragédia.
Exército, Bombeiros, IML, Polícia Militar e Força Aérea Brasileira (FAB) estarão na operação. A Marinha, por sua vez, foi dispensada e não está mais no município.
Parentes das vítimas estão no local e acompanham todas as notícias. Não foi confirmado se o tempo na região e a chegada da noite deve adiar a remoção.

Fonte/Foto: blogdoxarope.blogspot.com.br
Leia Mais ►

CHEIA 2014 EM ALENQUER-PA

Crianças pescam na avenida Benedicto Monteiro, em Alenquer

Foto: Wildson Queiroz




Leia Mais ►

QUEIMADA “CIENTÍFICA” MOSTRA QUE FOGO COM SECA FAZ AMAZÔNIA VIRAR CERRADO.


O IPAM (Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia) teve acesso a 3 terrenos para testes e incendiou-os de forma controlada: um deles sofreu queimadas todo ano, outro de 3 em 3 anos e o último foi mantido sem fogo.
A seca aumenta a mortalidade de árvores em 30%. Ao misturar as secas com queimadas o sistema atinge um ponto de virada. O efeito combinado da mudança do regime de fogo e de secas regionais é o que pode fazer a floresta atingir seu limite.
Modelos climáticos mostram que, com o aquecimento global, os eventos de seca extrema serão cada vez mais frequentes na Amazônia o que torna este experimento da máxima importância.
Por um Brasil mais consciente, inteligente e sustentável.


Fonte/Foto: Projeto Gota D’Água
Leia Mais ►

CULTURA: EM MANAUS-AM EVENTOS DO FESTIVAL DE ÓPERA ANIMAM PROGRAMAÇÃO CULTURAL ATÉ O FERIADO

Soprano Leticia de Altamirano
Lucia di Lammermoor, obra-prima do compositor italiano Gaetano Donizetti é a grande atração desta semana do XVIII Festival Amazonas de Ópera, promovido pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura em Manaus (AM). A apresentação acontece neste domingo (27), às 19h, no Teatro Amazonas e terá como protagonista a soprano mexicana Leticia de Altamirano no papel-título.
Também fazem parte do espetáculo – a segunda grande montagem desta edição do evento – os solistas Max Jota, Homero Velho, Pepes do Valle, Enrique Bravo, Cristhiano Silva e Andreia Souza. A música fica por conta do Coral do Amazonas e da Amazonas Filarmônica com regência de Marcelo de Jesus.     
“Lucia” volta aos palcos do teatro na terça-feira (29), às 20h.
Um dia antes (sábado, dia 26), o público poderá conferir e trocar informações e experiências com o todo o elenco da peça na mesa redonda aberta e gratuita que acontece com o elenco e equipe técnica no Centro Cultural Palácio da Justiça, às 18h.
Ainda no sábado acontece a última apresentação da ópera Manon Lescaut (Puccini), primeiro grande sucesso do festival com duas sessões anteriores lotadas e o público emocionado com a brilhante interpretação de soprano Daniella Carvalho. O espetáculo acontece às 20h no Teatro Amazonas.
FRANÇA
Na segunda-feira (28), o Teatro da Instalação se transformará em um pedaço de Paris com o Recital Bradesco – Música Francesa, estrelado pela soprano Isabelle Sabrié e o pianista André Santos, às 20h.
No repertório composições de Maurice Ravel, Henri Tomasi, Francis Poulenc e Erik Satie traçam um verdadeiro panorama da música francesa no Século XX.
Os ingressos para os concertos e recitais já estão disponíveis – custam a partir de R$ 2,50 (meia-entrada) – e podem ser adquiridos no sitewww.bestseat.com.br e na bilheteria do teatro (telefone 92-3232-1768).
Para mais sobre a programação do XVIII Festival Amazonas de Ópera e demais projetos, eventos, editais e atividades promovidos pela Secretaria de Estado de Cultura em Manaus e no interior do Estado acesse www.facebook.com/culturadoamazonas.
Fonte/Foto: Press Comunicação


Leia Mais ►

I FÓRUM QUILOMBOLA DA DIOCESE DE ÓBIDOS-PA



Fonte: Janirene Souza - PASCOM Diocese de Óbidos

Leia Mais ►

CHEIA: AM TEM 16 MUNICÍPIOS EM EMERGÊNCIA E CALAMIDADE

Boca do Acre-AM

Dos 62 municípios do Amazonas, catorze já decretaram Estado de Emergência e dois Calamidade Pública por conta das cheias dos rios que afetam principalmente as calhas do Purus, Madeira e do Juruá, nas regiões Sul e Oeste. Os dados fazem parte do levantamento divulgado nesta quarta-feira (22), pela Associação Amazonense de Municípios (AAM) e foram coletados diretamente junto às prefeituras e defesas civis do interior do Estado após o feriado da Semana Santa.
As principais mudanças em comparação com os dados divulgados anteriormente pela AAM no início do mês são a inclusão de Boca do Acre entre os municípios em Calamidade Pública, ao lado de Humaitá, e o anuncio de Emergência em Iranduba, primeiro na Região Metropolitana de Manaus a ser afetado diretamente pela subida das águas.
De acordo com o presidente da associação, Iran Lima, a expectativa é que nas próximas semanas prefeituras nas regiões do Baixo Amazonas e do Alto Solimões também entrem em estado de Alerta e Emergência.
“No município do qual sou prefeito (Boca do Acre), o litro do combustível chegou a custar R$ 15 e sem a ajuda humanitária e o apoio do Governo do Estado o interior a situação estaria ultrapassado qualquer limite suportável, principalmente para as comunidades ribeirinhas que são os mais afetados pela cheia”, destacou Lima.
Estão na lista dos municípios amazonenses em Emergência Apuí, Borba, Canutama, Envira, Guajará, Ipixuna, Iranduba, Itamarati, Lábrea, Manicoré, Novo Aripuanã, Nova Olinda do Norte, Pauiní e Tapauá.

Camutama-AM


Fonte/Fotos: Press Comunicação
Leia Mais ►

quarta-feira, 23 de abril de 2014

ORAÇÃO DE SÃO JORGE


Eu andarei vestido e armado, com as armas de São Jorge. Para que meus inimigos tendo pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me enxerguem, nem pensamentos eles possam ter para me fazerem mal. Armas de fogo o meu corpo não alcançarão, facas e lanças se quebrem sem ao meu corpo chegar. Cordas e correntes se quebrem sem ao meu corpo amarrar.
São Jorge, cavaleiro corajoso, intrépido e vencedor, abre os meus caminhos. Ajuda-me a conseguir um bom emprego. Fazei com que eu seja bem quisto por todos: superiores, colegas e subordinados. Que a paz, o amor e a harmonia estejam sempre presentes no meu coração, no meu lar e no meu serviço; vela por mim e pelos meus, protegendo-nos sempre, abrindo e iluminando os nossos caminhos , ajudando-nos também a transmitirmos paz, amor e harmonia a todos que nos cercam. Amém.
Leia Mais ►

FARO-PA, AMAZÔNIA - BRASIL

Foto: z fioravante

Leia Mais ►

COPA ALVORADA DE FUTSAL: SEXTA FEIRA 25, EQUIPE PARINTINENSE BUSCA PRIMEIRA VITÓRIA CONTRA SELEÇÃO DE FARO EM NHAMUNDÁ-AM

Seleção de Faro-PA
A forte equipe da Chapada vai até a cidade de Nhamundá em busca da vitória no primeiro confronto da semifinal contra a seleção de Faro. Dois barcos sairão de Parintins rumo à terra das Ycamiabas, um destinado aos torcedores e outro aos jogadores e diretores da equipe.
O treinador da equipe da Chapada Evandro Junior (foto ao lado), destaca que “a equipe se preparou bastante durante o feriado, aproveitamos para trabalhar a parte física e técnica dos nossos atletas. Essa semana estamos treinando forte para corrigir os erros que aconteceram nos jogos passados, estamos trabalhando para sairmos de Nhamundá com um resultado positivo nesse primeiro confronto contra a forte equipe de Faro”.
“A nossa equipe busca sempre um bom resultado, sabemos que o jogo não vai ser fácil, ainda mais com a nossa equipe jogando fora de casa, estamos nos preparando não só tecnicamente, mas também emocionalmente, para conseguir um bom resultado, ressalta o treinador.”
Segundo ele a equipe contará com um reforço importante, o jogador Som Pinto, conhecido de todos os parintinenses, para ajudar nesta reta final de campeonato.
A “Terra do Tucunaré” receberá os dois primeiros jogos da semifinal da Copa Alvorada de Futsal. Os jogos serão realizados nessa sexta (25) e sábado (26) no Ginásio de Esportes Ediney Rocha.
No dia 25(sexta-feira): Seleção de Faro X Chapada
Dia 26(sábado): Nhamundá X Mocambo
O segundo confronto da competição será realizado em Parintins na terça-feira(29).
Fonte/Foto: Kedson Silva/JI - Arquivo AA
Leia Mais ►

CITAÇÃO


“Se sua intenção é ser de auxilio, seus olhos não ficam no problema, mas no auxilio, e isso é bem diferente. Quando você está buscando por uma solução, você está sentindo emoção positiva – mas, quando está olhando para um problema, você está sentindo emoção negativa.”

[Abraham]


Fonte/Imagem: lucienelima@espacocriando.com
Leia Mais ►

A DEMOCRACIA AMANHECEU ENFRAQUECIDA EM FARO-PA


Bloquearam a página do “Formigão”, pseudônimo de quem abriu espaço através do facebook para acolher as denúncias e desabafos dos moradores e trabalhadores de Faro/PA.
Nesta quarta feira, 23 de abril, a ditadura mostrou que ainda não morreu – pelo menos em Faro-PA.
Como podemos observar através de publicações recentemente veiculadas na mídia e em redes sociais, como blogs do Jeso Carneiro, G1 Santarém, TV Tapajós, EmFoco On Line, facebooks e tantos outros que ainda certamente estão (e estarão) dando destaque ao fato, os servidores (e a população em geral) do município em questão estão descontentes com a situação atual, tanto no setor da Educação, quanto na Saúde, assim como no tratamento que vem sendo dado à comunidade em suas necessidades mais básicas de seu dia a dia.
E não é que, no meio dessa batalha por melhores condições, uma pessoa começa a dar voz aos clamores da população e publicar denúncias e desabafos em uma página do facebook, sob o pseudônimo de “Formigão”? Enquanto não incomodava, foi ficando... afinal, ninguém chuta cachorro morto, não é?
Até que tomou corpo, ampliou a rede de internautas, farenses ou não, que o acompanhavam. Daí passou a incomodar o establishement acostumado a agir sem oposições, e eis que, nesta manhã, sua página no facebook amanheceu bloqueada.
Não é necessário questionar ”quem denunciou” ou “por quê”, não é?
O que o “poder” não sabe é que “a voz virtual pode ser calada ... mas a voz real, a voz do povo, a voz que vem da rua, a voz que já moveu montanhas e derrubou presidentes, essa voz, que é a nossa voz, NUNCA, NUNCA PODERÁ SER CALADA!”
E esse direito nos é garantido pela Constituição Federal, como brasileiros que somos. Como tem sido dito, Faro é distante, longe das grandes metrópoles, mas continua sendo Brasil. O que vale em São Paulo, Brasília ou Rio de Janeiro, vale também em Faro-PA, Amazônia.
Portanto, temos direito de reclamar, exigir nossos direitos, pois não somos ovelhas para sofrermos calados. Ao deixar que alguém leve uma moeda sua, sem que você reclame, você perde o direito de reclamar quando levarem sua bolsa inteira!
Calar com a força e arbitrariedade quem faz as denúncias é a maior prova de que elas são verdadeiras... Força e fé num futuro melhor, que NÓS podemos fazer, com nossa voz, nosso voto e nossas ações!

Fonte: <amazôni@contece>/z fioravante
Leia Mais ►

INCLUSÃO DIGITAL E FORMAÇÃO PROFISSIONALIZANTE


O programa de inclusão digital da Associação dos Moradores da Comunidade Santa Luzia (AMBASLUZ), do município de  Oriximiná, mantém por mais um ano as atividades de capacitação de comunitários com o apoio da MRN. Em 2013 foram certificadas 165 pessoas nos cursos de informática básica e avançada. Para esse ano o projeto disponibilizou 200 vagas para moradores das comunidades Palhal, Araçá, Arancuã e Cachoeiry, localizadas na área rural de Oriximiná.

Fonte: Érica Sant Ana Palhares - Assessoria de Imprensa - Mineração Rio do Norte S.A
Leia Mais ►